Onde comer no caminho — Portugal

Quando estamos a viajar de carro, as vezes, precisamos de saber onde comer no caminho, porque nem sempre comemos no destino ou na origem.

Deste modo, e porque nem sempre é fácil encontrar bons locais para comer, resolvi criar uma lista de bons locais para onde comer em viagem.

A caminho do Algarve ou de regresso

Restaurante Canal Caveira

Em pleno IC1, próximo de Grândola.
Se estiver na A2 pode sair em Grândola e fazer o trajeto no IC1 até ao restaurante.
O prato de destaque é o Cozido a Portuguesa, que é ótimo.
Excelente relação qualidade-preço.



Mais informações.

Restaurante O Teodósio – Frango da Guia

Restaurante O Teodósio - Frango da Guia
Frango da Guia

Fica localizado na Guia, Albufeira.
O melhor restaurante de frango da Guia.
O frango é ótimo e a salada também.
Excelente relação qualidade-preço.
Não pode fazer reserva, por isso chegue cedo.
Nos fins de semana, no verão o restaurante fica lotado.

Mais informações.

A caminho do Évora ou de regresso

Também pode ir comer se fizer um desvio quando vai para o Algarve ou Litoral Alentejano.

Restaurante A Chaminé – Bifanas de Vendas Novas

As sopas, bifanas, empadas e sobremesas são excelentes.
Boa relação qualidade-preço.
Serve ao longo de todo o dia, mesmo fora do horário de refeições.

Rua Boavista 53, Vendas Novas

Mais informações.

A caminho do Porto, Coimbra, Leiria ou de regresso

Rui dos Leitões

Rui dos leitões
Leitão

Perto de Coimbra, da A1 e IC2.
Excelente local para comer leitão.
Chegue cedo ou faça reserva.



Mais informações.

Restaurante TAXO, no Cartaxo

A 5 minutos da A1, em direção do Cartaxo.

É um restaurante elegante, onde se come muito bem.

Restaurante O Taxo
Restaurante TAXO

O staff é muito simpático e o espaço esta muito bem decorado.

Mais informações.

Restaurante O Bigodes

No IC2.
Para comer uma sopa ou uma bifana a qualquer altura do dia.
Tem menos diversidade de sopas que em Vendas Novas e não fazerem serviço de mesas.


Mais informações.

O que precisa para preparar a sua viagem

Prepare a sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Não paga nada à mais por isso e ajuda o blog a continuar produzir conteúdo.

Contem links afiliados, só recomendamos serviços que confiamos e utilizamos.

Follow Lu:
Sou Geógrafa e vivo em Lisboa. Viajar é uma Paixão, adoro conhecer locais novos, a sua gastronomia, as suas gentes e a sua cultura. Gosto de tudo relacionado com viagens, adoro planear as minhas viagens.

  1. […] posted in: Alentejo, Escapadinhas, Évora, Portugal, Roteiros | 2 Aproveitamos um fim de semana de Inverno para ir rever Évora, ou melhor eu rever e ele conhecer. É sem dúvida uma cidade que vale a pena visitar. Como Ir Onde Dormir Hotel Vila Galé Évora Onde Comer Dia 1 Mal chegamos fomos logo explorar a cidade, como o hotel era próximo à cidade fizemos tudo a pé. Começamos pela Praça do Giraldo e as suas arcadas, aqui há um posto turístico, onde solicitamos um mapa gratuito. Seguimos pelas ruas de Évora até a Catedral, que se encontrava fechada. Ao lado da Catedral, encontra-se o Museu de Évora, o Forum Eugénio de Almeida, a Pousada de Lóios e é claro o ex-libris de Évora, o Templo Romano, à deusa Diana (que à pouco se soube não ser verdade). O Templo encontra-se em plena rua, pelo que é gratuito. Em frente ao Templo encontra-se o Jardim de Diana, onde vimos o pôr do Sol, como era Inverno anoiteceu cedo. Regressamos à Praça do Giraldo por um caminho diferente. Na Praça do Giraldo, encontra-se o famoso chafariz com o mesmo nome e a Igreja do Santo António. Regressamos ao hotel mas por um caminho diferente do anterior, onde ainda conseguimos admirar as muralhas da cidade. Utilizamos o resto da tarde para ir aproveitar o spa e piscina interior do hotel para relaxar. Dia 2 Como não tínhamos pedido pequeno-almoço no hotel, saímos a procura de pequeno-almoço na cidade, onde aproveitamos para visitar um pouco mais, fomos novamente à pé. Fomos a Pastelaria Pão de Rala para comer um pequeno-almoço super-calórico, comemos o famoso Pão de Rala de Évora, meia de leite e um sumo de laranja natural e pagamos quase tanto quanto nos custaria tomar o pequeno-almoço no hotel. Por isso só recomendo, comprarem uma fatia de Pão de Rala para provar (que de pão não tem nada, é um doce conventual) senão fica uma refeição bastante cara. Rua do Cicioso 47, Évora Pão de Rala Daqui seguimos até a Igreja de São Francisco, onde se localiza a famosa Capela dos Ossos. Eu já conhecia a Capela, mas o meu namorado não. Não deixe de ir, é um “must see” de Évora, desde que não fique facilmente impressionado, pois é composta de ossos humanos. A Capela é bem pequena, mas impressiona a quantidade e disposição dos ossos, estima-se que estejam cerca de 5000 caveiras. Na entrada encontra-se a frase: “Nós ossos que aqui estamos, pelos vossos esperamos”. A entrada custa 4€. Esta localizada na Igreja de São Francisco. Rua da República, Évora Saindo da Capela passamos no Mercado Municipal de Évora e regressamos ao hotel para o check-out. Depois fomos de carro até a uma zona próxima ao Templo de Diana, onde estacionamos fora das muralhas e aproveitamos por dar mais uma volta na cidade. Fizemos o caminho de regresso a casa, onde almoçamos já bastante tarde nas Bifanas de Vendas Novas. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Subscreve a newsletter!