Roteiro 4 dias na Serra da Estrela

Trata-se de viagem efectuada em Janeiro de 2012, infelizmente havia pouca neve na Serra da Estrela.

Dia 1

Covilha

Fizemos a viagem de carro, infelizmente já apanhamos portagem na antiga SCUT A23.

Ficamos alojados no Covilhã Parque Hotel, hotel bastante agradável, sempre muito quentinho e com uma bela vista para a Serra da Estrela. O alojamento incluía pequeno-almoço, e apresentava uma óptima relação qualidade/preço.
Precisa de algumas actualizações em termo de decoração, mas recomendo.

Dica: Apesar de não existirem secadores de cabelo no quarto, existem na recepção.

No primeiro dia, como chegamos tarde, apenas fizemos o check in no hotel, jantamos num restaurante próximo e demos uma volta nocturna pela cidade da Covilhã

Covilhã

Dia 2

Manteigas e Torre

Acordamos cedo, com o nascer do sol, tomamos o pequeno-almoço e partimos para a Serra da Estrela.

A primeira paragem miradouro, onde apreciamos a bela vista sobre a cidade da Covilhã.

Depois Penhas da Saúde, onde apreciamos a natureza e as suas formações.

Em Manteigas apreciamos o vale glaciar (incluíndo a mini-hidrica) e os viveiros de trutas.

A vila é muito engraçada, foi onde almoçamos.
Em Manteigas existem vários restaurantes onde se pode apreciar a comida local, após o almoço seguimos para à torre.

Na torre havia pouca neve, apesar de ser Janeiro, mas aproveitamos a viagem na mesma, pois o objectivo não era a pratica de desportos de Inverno, mas sim conhecer melhor a serra e os seus encantos.

No final da tarde voltamos para a Covilhã, jantamos no Restaurante Dany, que fica na zona industrial da Covilhã, lote 14. Existem uns menus por 10€ com entradas, prato principal, sobremesa, bebidas e café, recomendamos.

Vale do zezeré

Dia 3

Vila Nova de Foz Coa e Pinhel

Neste dia aproveitamos a parte da manhã para passear pela Cidade da Covilhã e à tarde fomos a até Vila Nova de Foz Coa ver as figuras rupestres, que fica relativamente próximo à Serra da Estrela.

Na ida ainda paramos em Pinhel.


Em Vila Nova de Foz Coa visitamos as figuras rupestres, reservamos de manhã antes de ir, mas não há necessidade de reserva antecipada.Pinhel é uma pequena cidade, mas bastante agradável e facilmente acessível desde da Serra da Estrela, pertencente ao distrito da Guarda.

O preço é excessivo (10€ pessoa) e  apenas se pode ver as figuras de uma das margens do Douro, em cada visita.
Vimos as da margem esquerda, as da direita estavam disponíveis apenas para visita pela manhã e custam 10€ pessoa.


Para vê-las todas precisa de um dia e paga 20€ por pessoa,  o que é caríssimo e ocupa muito tempo.
Apesar de não estarem bem conservadas e de serem poucas, gostei das visitar.A viagem do ponto de encontro até as figuras rupestres  é efectuada através de jipe, viagem está incluída no valor do bilhete. O valor também inclui um guia que explica as figuras, que é também o motorista.

A vista das vinhas e o rio são muito agradáveis.

Figuras rupestres

Dia 4

Seia

Fomos à Seia, passando pela Serra da Estrela, visitar o Museu do Pão.
Já tinha ouvido falar muito sobre o museu, mas não achei o museu muito interessante, para além de ser muito pequeno. E ainda fica mais a perder porque a panificação já não é no museu nem dá para ver.

Achei muito vocacionado para as crianças, penso que as crianças iriam gostar de o visitar.
A entrada custa 3 euros pessoa (adulto).

Mais informações sobre o museu aqui.

Museu de Pão de Seia

Piodão

Depois fomos a Aldeia de Xisto de Piodão. A viagem de Seia a Piodão ainda é um pouco longa, demora cerca de uma hora e o caminho é por serras.

A aldeia é muito gira, mas tivemos pouco tempo para a aproveitar, pois já estava a de noite e ainda tínhamos de voltar para a Covilhã.
A viagem até a Covilhã também demora cerca de uma hora e é por serras na sua maioria.

Dica: Ir cedo para conseguir aproveitar bem a aldeia de Piodão, principalmente se for no Inverno.

Logo na entrada da aldeia existem algumas banquinhas a vender lembranças da aldeia, é quase impossível sair de lá sem nada.
Trouxemos um íman casa de xisto e um licor de castanha.

Piodão

Veja também  Onde Dormir

Follow Lu:

Tenho 31 anos, sou Geógrafa, apesar de não exercer. Vivo em Lisboa a muitos anos mas sou natural de Alcobaça. Sou blogger à cerca de 8 anos, gostava de escrever mais, mas o tempo disponível não é muito. Viajar é uma Paixão, adoro conhecer locais novos, a sua gastronomia, as suas gentes e a sua cultura. Gosto de tudo relacionado com viagens, adoro planear as minhas viagens e ajudar os outros a prepararem as suas viagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *