Madrid – Dia 2 – Mercado El Rastro

Seguimos à pé do hotel passando pela Puerta del Sol, onde encontramos o marco do KM 0 de Madrid.

Continuamos pela Calle Carretas onde encontramos a Plaza Jacinto Benavente.

Plaza Jacinto Benavente

Encontramos uma Madrid diferente mas tão bela.

 Com cinemas, teatros, galerias de arte entre outros.

Aula 11 – Galeria de arte

Chegando à Plaza Tirso Molina.

Estátua do Tirso Molina

Continuamos pela Calle Duque de Alba, onde de certo modo já começava o mercado. Pois já existem vendedores na ruas.

Calle Duque de Alba

No entanto o mercado El Rastro só se inicia verdadeiramente na Plaza Cascorro.

Dica:
Como chegar de metro ao El Rastro:
Utilizando as estações Tirso Molina ou La Latina para iniciar na parte alta do mercado (Recomendo esta opção).
Ou utilizando as estações de Puerta de Toledo, Acacias ou Embajadores para iniciar pela parte baixa do mercado (contudo não recomendo esta opção, pois irão subir o mercado, o que torna mais cansativa e as estações de metro estão mais distantes).

E depois é só seguir a multidão.

Inicio do mercado El rastro

Como é o mercado:

O mercado é muito giro, cheio de gente, de movimento, de diversos objectos e roupa para ver e comprar, artistas de ruas, etc.

Um Artista no El Rastro

Por isso e por uma questão de segurança, pois é um mercado, é sempre necessário ter atenção aos pertences, apenas tirei fotos no inicio e no fim da minha visita ao mercado.

O mercado é giríssimo, cheio de coisas engraçadas e baratas.

El Rastro

Dica: É o local mais barato para comprar lembracinhas de Madrid, desde de 1€, talvez menos se procurar bem.

É claro que não pude deixar de comprar nele. Comprei um vestido de verão muito giro e barato e claro lembranças (tive pena de não ter comprado mais, em qualquer local de Madrid são bem mais caras do que no mercado, mas não fazia ideia que era tanto, por isso aproveitem o mercado).

Ronda de Toledo

O mercado continua até a Ronda de Toledo, onde ainda se encontram diversas bancas.

Gostei muito do mercado, quase tive para não ir porque pensei que era só um mercadinho sem graça, mas enganei-me. Ainda bem que mudei de ideias e fui.

O mercado realiza-se aos domingos de manhã, à partir das 9h.

Dica: A Puerta de Toledo fica próximo, aproveite a viagem e visite após o passeio no El Rastro.

Eu gostei tanto do mercado que me distrai e esqueci-me da Puerta, quando me lembrei já estava longe para voltar. Acabei por a visitar num outro dia.

La Casa Encendida

Continuamos à pé pela  Ronda de Toledo até ao próximo destino. Passando pelo centro cultural La Casa Encendida.

3 thoughts on “Madrid – Dia 2 – Mercado El Rastro

  • 14 Agosto, 2014 at 8:39 pm
    Permalink

    Há anos, deu-nos na ideia pegar no carro e ir a Madrid… E fomos! É bom recordar por outro olhar fotográfico.

    Reply
  • 14 Agosto, 2014 at 9:45 pm
    Permalink

    Fico feliz! Obrigada pelo comentário.

    Reply
  • 6 Abril, 2016 at 7:53 pm
    Permalink

    Também é possível visitar o Raastro nos feriados! A quantidade de gente é muito menor e é quando os madrilenos preferem lá ir! 🙂

    Reply

Deixar uma resposta